Reprise de “Bela, a Feia” bate “Vídeo Show” e abre dois pontos de vantagem sobre o SBT

Giselle Itié como Bela, protagonista de “Bela, a Feia”, de volta à tela da Record (Imagem: Divulgação / Record)

Foi bem a estreia de “Bela, a Feia” (2009) nas “tardes de novelas” da Record. A trama de Gisele Joras, inspirada no original de Fernando Gaitán, chegou à liderança de audiência – impulsionada pelo sempre líder “A Hora da Venenosa”, quadro do “Balanço Geral”.

Foram 6 minutos em primeiro lugar, à frente do “Vídeo Show”. “Bela”, no ar das 15h às 15h29, acabou por consolidar a vice-liderança isolada, anotando 8,4 pontos, com 11 de pico e 19% de participação no número de televisores ligados (share).

No mesmo horário, a Globo bateu 8,9 de média; o SBT, em terceiro, registrou 6,4 – com o “Fofocalizando”. A Band ocupou a quarta colocação, com 2,2; a RedeTV!, em quinto, assegurou 1,4.

A reprise de “Bela, a Feia” era aguardada pelo público da Record há tempos. A emissora pleiteou a “reclassificação” da novela em fevereiro de 2016, quando ainda havia necessidade de adequar a faixa etária da produção ao horário de exibição.

De lá pra cá, o canal reexibiu “Amor e Intrigas” (2007), “Ribeirão do Tempo” (2010) e “Luz do Sol” (2007) às 15h; “Vidas em Jogo” (2011), “Bicho do Mato” (2006) e “Essas Mulheres” (2005), às 15h45.

O post Reprise de “Bela, a Feia” bate “Vídeo Show” e abre dois pontos de vantagem sobre o SBT apareceu primeiro em RD1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Advertisment ad adsense adlogger