Na mira do Corinthians, Castán diz que tomou decisão sobre o seu futuro

O zagueiro Leandro Castán, oferecido ao Corinthians nos últimos dias e avaliado pela diretoria para o ano que vem, disse que já tem uma decisão sobre o que fazer na sua carreira em 2019. Sem especificar qual é o seu desejo, mas dando a entender que não seguirá no Vasco, o defensor chegou à Arena em Itaquera pedindo para que o futuro seja definido rapidamente e ele possa curtir as férias em paz.

“A minha decisão está tomada, passei para o meu pai, e agora estou deixando ele resolver”, disse, em entrevista à Rádio Globo, o atleta antes de participar do jogo Sheik e Amigos contra a fome, despedida do camisa 11 corintiano como jogador profissional.

“Não quero ficar falando porque tenho contrato com o Vasco, em respeito ao Vasco não posso fazer isso. Mas todo mundo sabe, o Vasco sabe, do carinho que tenho por esse time e essa torcida. Agora é sentar para conversar com meu pai e ver o que é o melhor para todo mundo”, continuou o atleta, dono de vínculo com os cariocas até dezembro de 2019.

Apesar do interesse de ambas as partes, além da necessidade de acerto com o Vasco, ainda dá conta de uma necessidade de avaliação física minuciosa a respeito do jogador. Depois de voltar do futebol italiano, aos 32 anos, Castán é visto com incerteza pelo longo período que ficou sem atuar na Europa.

Desde que passou por uma cirurgia para a retirada de um tumor no cérebro, em 2014, o atleta teve dificuldades para se firmar atuando em alto nível. Acabou emprestado pela Roma e só foi atuar com mais regularidade quando defendeu o Torino, também na Itália.

Os responsáveis pelo futebol no Timão ouviram de quem fez o contato que o futebol desempenhado por Castán no Vasco já foi de bom nível e pode melhorar com uma boa pré-temporada. Ele atuou em 15 jogos pelo time carioca, com a defesa sofrendo 12 gols (0,8 gol por jogo). Antes, foram 23 partidas sem Castán, com 36 gols sofridos (1,56 gol por jogo).

Caso receba a aprovação do técnico Fábio Carille, que deve ser oficializado até o final do mês, Castán assinaria um contrato entre dois e três anos. A negociação com o Vasco é tratada como viável pela idade e tempo de vínculo do jogador, válido apenas até dezembro de 2019. Atualmente, as opções no setor são os jovens Léo Santos e Pedro Henrique, além dos experientes Henrique e Marllon.

Além da Libertadores da América de 2012, Castán também conquistou o título do Campeonato Brasileiro com o Alvinegro, em 2011, e deixou o clube bastante valorizado ao ser transferido para a Roma, dias depois da conquista continental.

O post Na mira do Corinthians, Castán diz que tomou decisão sobre o seu futuro apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Advertisment ad adsense adlogger