• 23 de setembro de 2021 5:23 am

Talibãs fazem ‘enterro’ simbólico de bandeiras estrangeiras após a saída das tropas americanas do Afeganistão

Uma multidão de apoiadores do Talibã fez nesta terça-feira (31) um “enterro” simbólico de bandeiras estrangeiras após a saída das tropas americanas do Afeganistão.

O ato foi registrado na cidade de Khost, a cerca de 230 km de Cabul.

Segundo imagens feitas pela TV local, é possível ver ao menos quatro caixões com as bandeiras dos Estados Unidos, França, Reino Unido e da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte).

A demonstração ocorre no dia seguinte ao fim da ocupação militar que durou duas décadas no país.

“31 de agosto é agora o nosso Dia da Liberdade”, disse o porta-voz local do Talibã, Qari Saeed Khosti, à emissora Zhman TV. “Neste dia, as forças de ocupação fugiram do país.”

Saída americana

Os EUA concluíram na segunda (30) a retirada das tropas após 20 anos de ocupação. Americanos e aliados corriam contra o tempo para concluir a retirada após a retomada do poder pelo Talibã.

O grupo voltou ao poder em 15 de agosto e celebrou o fim da ocupação com tiros para o alto. O porta-voz do Talibã chamou a retirada dos americanos de “independência”.

Depois da saída dos americanos, o porta-voz do Talibã, Zabihullah Mujahid, afirmou que o Afeganistão quer manter boas relações com os americanos e o resto do mundo.

O fim da ocupação americana ocorreu quase 20 anos após a invasão do Afeganistão, que foi realizada meses após os ataques terroristas de 11 de Setembro de 2001.

O Talibã comandava o país desde 1996 e foi acusado pelos americanos de esconder e financiar membros da Al-Qaeda, grupo terrorista comandado por Osama bin Laden e responsável pelo atentado.

O grupo extremista foi expulso do poder com a invasão americana em 2001, e voltou a comandar o país no dia 15 de agosto de 2021, após o presidente Ashraf Ghani fugir do país e o grupo tomar a capital Cabul.

Fonte: G1

Deixe uma resposta