Réver revela Diego Alves chateado e pede para que polêmica não abale o grupo

A crise envolvendo Diego Alves e o técnico Dorival Júnior parece que não terá um final tão cedo. Na última quinta-feira, segundo informações da Coluna do Flamengo o goleiro pediu uma reunião com o elenco para se explicar o porquê de ter negado viajar ao Paraná para a partida contra o lanterna do Campeonato Brasileiro. No entanto, o treinador acabou se incomodando com o encontro dos jogadores e também pediu uma reunião com o grupo. Assim técnico e arqueiro acabaram se estranhando novamente e precisaram ser contidos pelos outros jogadores e o diretor Carlos Noval.

Já nessa sexta-feira, sobrou para o capitão da equipe, o zagueiro Réver, explicar como está o clima dentro do clube para as rodadas finais do campeonato. Apesar de tentar escapar do tema inevitável na coletiva de imprensa o defensor não fugiu das perguntas e ressaltou que o time não pode se deixar abalar pelo ocorrido.

Réver comentou sobre a polêmica envolvendo Diego Alves e o técnico Dorival Júnior (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

“São coisas que acontecem no futebol. Problema nosso interno. Vamos resolvê-lo internamente como sempre aconteceu no Flamengo. Quem deveria falar com vocês sobre isso é a diretoria. Nossos problemas são resolvidos internamente. Estamos aqui para trabalhar. Toda essa situação é muito triste. Não podemos nos abater por isso. Brigamos pelo Brasileiro. Não podemos nos abater e nos abalar por isso”, garantiu o defensor.

Bastante experiente, o defensor de 33 anos ainda fez questão de afirmar que faltou um trabalho interno para que isso não se espalhasse e, inevitavelmente, chegasse ao alcance dos outros jogadores, que ainda brigam pelo título do Campeonato Brasileiro deste ano.

“Acredito que faltou diálogo e um pouco de maturidade de nós para não desviarmos o foco do objetivo que é o Brasileiro. Isso afeta de alguma maneira. Nós jogadores temos que colocar um ponto final isso e deixar para a diretoria resolver”, avaliou.

Diego Alves dificilmente voltará a atuar defendendo as cores do Flamengo (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

Amigo pessoal do goleiro, o capitão Réver revelou que o seu contato próximo com o companheiro segue apesar da polêmica, e revelou que o arqueiro está chateado com toda a polêmica em que está envolvido.

“Não mudou nada meu relacionamento com ele. Sempre tivemos um diálogo constante. Temos amizade espetacular fora do clube. Claro que falamos sobre o acontecimento, mas também sobre outras coisas. Não dá para respirar futebol 24 hrs por dia. Claro que que o Diego está chateado e abalado. Não poderia ser diferente”, completou.

Sem a presença de Diego Alves, que deverá ser multado pelo ocorrido na última quinta-feira, que segue tratamento de uma lesão no joelho, o Flamengo voltou a trabalhar na manhã desta sexta-feira visando a partida decisiva do Brasileirão, diante do São Paulo, no próximo domingo, no estádio do Morumbi.

O post Réver revela Diego Alves chateado e pede para que polêmica não abale o grupo apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.