Jhonata Ventura, vítima do incêndio no Ninho, assina com o Flamengo

Jhonata Ventura, uma das vítimas do incêndio no Ninho do Urubu que ocorreu há quase dois anos, assinou seu primeiro contrato profissional com o Flamengo. O vínculo é válido até setembro de 2023 e já foi publicado no BID da CBF. O mais novo zagueiro do Mengão, de 16 anos, agradeceu a publicação do clube em sua rede social:

Dentre os três sobreviventes, Jhonata foi a vítima mais grave do incêndio que matou 10 adolescentes no dia 8 de fevereiro de 2019. Ele teve 35% do corpo queimado e ficou aproximadamente um ano afastado para realizar os trabalhos de recuperação. Em janeiro deste ano ele comemorou seu retorno aos gramados:

Em questão de instantes vários internautas escreveram mensagens de apoio ao Jhonata:

parabéns, cria. Agora é continuar com o mesmo trabalho e esforço, mantendo a fé em Deus. Não tem erro!

Parabéns, cria! Voa, #GarotoDoNinho! A Nação te espera de braços abertos na estreia.

Parabéns guerreiro, sucesso e me faça bastante feliz voando em campo. SRN

Boa, meu zagueiro! Que seja o início de uma linda trajetória com o nosso Manto Sagrado. Sorte e sucesso. SRN

Acordos com as famílias

Segundo o site Agência Brasil, o clube recusou a proposta e partiu para a negociação individual com cada família. Nesse processo, o Flamengo conseguiu fechar acordos de indenização com todos os sobreviventes do incêndio e com as famílias de Athila, Gedson e Vitor Isaias.

Além deles, o pai de Rykelmo aceitou a proposta de acordo com o clube, enquanto a mãe decidiu processar o Flamengo. Entre os demais, existe a expectativa de que a conclusão das investigações pode trazer dados novos para as ações.

Em alguns casos, os pedidos que serão enviados aos tribunais já estão prontos, somente à espera do encerramento da apuração.

Flamengo reconhece responsabilidade

Jhonata Ventura assina contrato com o Flamengo
Jhonata Ventura assina contrato com o Flamengo

Em vídeo publicado no último sábado (2) em suas redes sociais, o Flamengo classifica a tragédia como a maior da história do clube e afirma reconhecer sua responsabilidade, independentemente de culpa.

“Para nós do Flamengo, nos aparenta ter sido um lamentável acidente, mas temos responsabilidade como guardiões dos adolescentes”, disse o vice-presidente geral e jurídico do Flamengo, Rodrigo Dunshee de Abranches.

No vídeo, além de Dunshee, o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, e o CEO, Reinaldo Belotti, respondem a perguntas de uma jornalista da equipe de comunicação do clube durante cerca de 28 minutos.

Rodolfo Landim contou na entrevista que pretende homenagear as vítimas do incêndio com uma área dedicada a eles na futura capela de São Judas Tadeu, padroeiro do clube, que será construída no Ninho do Urubu.

O post Jhonata Ventura, vítima do incêndio no Ninho, assina com o Flamengo apareceu primeiro em A Folha Hoje.

%d blogueiros gostam disto: