Não é de hoje que parcerias musicais fazem sucesso no mercado fonográfico. Além do resultado conquistar os ouvidos do público, transitar por estilos diferentes é um desafio para aqueles que gostam de experimentar novos formatos. Seguindo essa tendência, nesta quinta-feira (21), acontece o lançamento do projeto Otrafitta, idealizado por Lucas Lucco, Elenko Music e OQ Produções. Para dar o start na empreitada, “Cabelo Rapunzel”, uma colab entre Lucas Lucco, Kawe, Kayblack e FK, já disponível nas principais plataformas de streaming – ouça agora – e com clipe, dirigido por Jay OQ, no YouTube – assista aqui.

Produzida por Pedro Lotto, “Cabelo Rapunzel” é um trap, estilo que tornou Kawe, Kayblack e FK grandes referências da vertente do rap nacional que se populariza mais e mais a cada dia que passa. O gênero, inclusive, pauta a base principal do projeto. De forma que Lucas Lucco, apesar de idealizador, é o grande convidado para a estreia do Otrafitta. “É legal deixar claro que a ideia não é fazer sertanejo com trap. Por isso o nome Otrafitta, é um lado B do Lucas Lucco, outra versão dele. Cabelo Rapunzel seria o laboratório dele no trap”, explica Gustavo Tait, diretor de marketing do Otrafitta.

Logo, o grande objetivo do Otrafitta é o experimentar. “Em 2017, lancei “Fogo”, em parceria com o Felp22, mas na época, eu estava tão ocupado que não consegui colocar pra frente. E de lá pra cá, foi uma vontade muito grande de unir meu trabalho com o da cena rap, trap e funk, e mostrar o resultado desse grande laboratório. Eu digo laboratório, porque a gente consegue criar N gêneros e uma musicalidade bem diferente do que está habituado”, conta Lucas Lucco.

Lucas Lucco afirma ainda que “essa junção está sendo muito especial, a realização de um sonho ainda mais com a colaboração de grandes artistas”. Para Kawe, a parceria também tem um lugar de destaque. “Sou muito fã do Lucas e quando ele chamou eu nem pensei duas vezes. A gente colou pro estúdio e fez um bagulho muito rápido, e resultou nesse trabalho lindo”, lembra Kawe.

Para FK, o trabalho também rolou da melhor forma. “Fiquei felizão quando o Lucas Lucco deu um salve, era um cara que eu só via na TV, então fiquei bastante ansioso pra gravar logo, ficou maravilhoso, acompanhem aí”, avisa. Aliás, o resultado promete. “Satisfação demais tá com essa rapaziada braba, vocês vão ver aí como é que tá”, reforça Kayblack.